Texto

Noite

Enquanto retiro tudo, tudo que possa me ajudar a escrever, tendo ao máximo ter o que chamam de inspiração. Aquela música já não me faz tanto efeito quanto antes, aquela pessoa não me faz sorrir como antes, aquela lembrança não na faz ter a mesma alegria e aquele momento que passei com você não trás tanta saudade quanto ontem e os dias anteriores. O final daquela música não me faz querer repeti-la, mas faz com que desligue o celular, aquela pessoa que tanto esteve comigo se foi e talvez ironicamente não tenha deixado tristeza, aquela lembrança trás apenas dor e um numero extenso de lágrimas derramadas, e aquele momento juntos vem sendo esquecido a cada segundo e sem deixar uma mísera gota de saudade.

Saudade é algo tão complicado, se pode sentir falta de alguém ou de algo, de uma lembrança que pode ou não trazer alegria, de um momento com alguém especial, mas todas elas trazem algo, tristeza. A saudade e a triste estão juntas, pois, quando a saudade, a tristeza. Felizmente ela não vive para sempre, e por uma feliz consequência, ela leva a outra ao partir. Vai morrendo, sem deixar vestígios, saberá que esteve com você, mas não sentirá agonia no peito ao se lembrar.

É como uma noite fria, chuvosa e cheia de trovões no Rio de Janeiro, ao acordar saberá que ela estava lá, as marcas irão estar lá, fortes e evidentes, porém com o tempo o frio vai se dissipando, as chuvas diminuindo, os trovões param e por fim o sol nasce pouco a pouco, mesmo que devagar vai retirando qualquer pingo de água deixado pela chuva, as frias e amargas lembranças quase não são vistas, até que em um belo dia, os pássaros cantarão, o sol estará forte e radiante e o coração que um dia sentira algo, apenas terá oque chamam de alegria.

You Might Also Like

17 Comentários

  • Reply
    Graciane
    28 de setembro de 2017 at 16:10

    Esse texto nos faz refletir que não há mal que dure para sempre… muito bom!

  • Reply
    Clarissa Assis
    28 de setembro de 2017 at 17:19

    Que texto lindo!!! Me identifiquei bastante <33

  • Reply
    Isadora Almeida
    28 de setembro de 2017 at 20:58

    Que texto lindo, nada dura tanto tempo tudo passa de acordo com o tempo o importante e superar, adorei o post ❤
    Beijos

  • Reply
    Yasmin Rosa
    28 de setembro de 2017 at 21:33

    Eu já disse que estou apaixonada por seu blog, e por seus textos?! Dá uma sensação tão gostosa ler os seus texto, parabéns, de coração ♥

  • Reply
    Ione iaguczeski
    28 de setembro de 2017 at 21:38

    Com esse texto eu pude perceber que nada de ruim nos domina por muito tempo, que as coisas ruins, o mal acaba sempre caindo por terra. Achei super maduro o texto e eu adorei.

  • Reply
    Clarissa Bento
    28 de setembro de 2017 at 23:06

    […] O final daquela música não me faz querer repeti-la, mas faz com que desligue o celular, aquela pessoa que tanto esteve comigo se foi e talvez ironicamente não tenha deixado tristeza.
    Me identifiquei tanto! É linda a forma como você escreve.

  • Reply
    Livia Pinheiro
    29 de setembro de 2017 at 12:13

    Nossa, o seu texto descreveu exatamente o que tenho sentido ultimamente. Parabéns pela forma fluida e clara que você escreve!

  • Reply
    Karine Leite
    29 de setembro de 2017 at 21:07

    Que texto maravilhoso! Me identifiquei com situações vividas no passado! Adorei!

  • Reply
    Larissa Dutra
    30 de setembro de 2017 at 11:38

    Olá, tudo bem? Muito interessante e bonito o texto, bem reflexivo e muito bem escrito. Parabéns!

  • Reply
    Thiago
    1 de outubro de 2017 at 11:50

    Parabéns pelo texto! Seria muito bom se víssemos mais postagens assim. Tenha um ótimo Domingo. Bj.

  • Reply
    Tatiana Castro
    1 de outubro de 2017 at 16:57

    Oi! Saudade é assim mesmo, uma mistura de sentimentos, muitas vezes, contraditórias. Excelente texto.
    Beijos!
    Gatita&Cia.

  • Reply
    Nati
    1 de outubro de 2017 at 17:53

    É bem isso o que acontece, no começo é mais pesado de esquecer e depois com o passar do tempo só ficam as lembranças alegres do que já vivemos com a pessoa. É uma pena ela ter ido, mas se for é porque tinha que ir mesmo. Beijos

  • Reply
    Gleicy Martins
    1 de outubro de 2017 at 18:40

    Como sempre vc com textos lindos! Seu blog é incrivel. Amo demais.
    Beijos

  • Reply
    Luiza Braz
    2 de outubro de 2017 at 07:28

    Você escreve muito bem, adorei o texto nos faz refletir.

  • Reply
    Daniela Vaz
    2 de outubro de 2017 at 17:03

    Nada é eterno… nem mal que dure para sempre. Isso é o que demorei para perceber e meter na cabeça.

  • Reply
    Luiz Alberto Portes
    3 de outubro de 2017 at 09:31

    O Sol sempre estará presente, mesmo nas mais intensas tempestades. Está muito lindo o blog. Parabéns. Beijos.

  • Reply
    Luana Domanski
    9 de outubro de 2017 at 19:31

    Esse texto me trouxe umas lembranças, uma mistura de tristeza finalmente liberdade. É confuso, muito confuso. Mas, é também uma sensação tão boa.
    Como me disseram uma vez, “Não há mal que dure para sempre.”

Deixe um comentário